corre, menina!

runlola4

A idade tem me transformado numa pessoa preguiçosa. Apesar de sempre ter sido uma criança/adolescente/semi adulta muito ativa, estou tendo muitos momentos de marasmo na ”’vida esportiva””. Por desânimo, preguiça, falta de tempo ou qualquer outra desculpa que caiba.

Uma das desculpas é até boazinha, meu signo. Meu áries com ascendente em áries (eu juro que sou legal apesar disso, galera) me faz mudar de ideia e enjoar das coisas com uma certa facilidade. Por isso, eu já fiz natação, vôlei, jazz, sapateado, ballet, acrobacia em tecido, krav magá, academia, pilates, yoga, entre outras atividades físicas. Muitas dessas, eu fiz nos últimos cinco anos.

Mas a minha “arianiedade” também faz com que eu me envolva nas atividades e crie alguns objetivos e desafios pessoais. Quando voltei para as aulas de jazz, aos 23 anos, estava super desengonçada e sem alongamento, mas topei o desafio de subir no palco e me apresentar com uma coreografia ensaiada por apenas 4 meses. Foi vergonhoso, mas eu me diverti muito! No krav magá também fiz questão de, pelo menos, tirar a faixa amarela e durante meses eu só falava nos treinos, movimentos e no mestre Kobi.

São esses objetivos que fazem a atividade física ficar legal e interessante.

Com a rotina meio agitada (olha a desculpa) dessa vida de repórter que escolhi, acabei tomando uma decisão de me matricular numa academia que tem aulas de funcional e pilates. Acontece que eu acordo às 6h30 da manha com o único objetivo de ~ queimar calorias ~ e isso me estimula pouco.

Então, para me animar, tomei uma decisão muito importante nesta vida: vou começar a correr. Tipo, correr meesmo. Provas, maratonas e todas essas coisas que eu julgava pra caramba. Não vou mentir que durante muito tempo eu acordava de ressaca morta no domingo e ficava vendo aquela galera no instagram que às 9h já tinham corrido dez quilômetros. E eu indo fazer cappuccino em pó ås 13h…

Em março deste ano, com estímulo dos colegas de trabalho e do nosso chefe, corri a primeira prova da minha vida, a Meia Maratona de São Paulo. Foram só 5km, meu tempo foi longe de ser bom, mas foi massa chegar até o fim. Na noite anterior eu quase desisti porque não queria passar vergonha. Ainda bem que não fiz isso.

De lá pra cá não consegui correr mais nenhuma, por causa das agendas meio malucas. Mas com as temperaturas subindo, eu me animei e me inscrevi em uma prova no dia 23 de agosto. Também serão 5 km, mas eu espero terminar com um tempo melhor.

Espero conseguir treinar direitinho nas próximas semanas e vou falar por aqui como está o processo todo. Já li umas entrevistas com aqueles casos de superação maravilhosos ex-obesos, ex-fumantes, com 75 anos que começaram a correr aos 50 e rodaram o mundo atrás de maratona pra ver se me inspira e estou bem otimista. Falta escolher uma playlist boa, deixar de mimimi e mentalizar que ‘‘todo mundo pode correr”. Quem sabe não volto aqui com ~ dicas para correr ~ sendo bem amostrada? (e com uma barriga de tanquinho pfv).

Por enquanto, eu tou mais pra Phoebe mesmo, mas já entrei num site aqui pra procurar aquelas pochetes de braço pra colocar o celular – que já tem aplicativos de corrida.

tumblr_inline_mugmxl40ou1qjwois

2 thoughts on “corre, menina!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s